Colecção Danone, só porque sim! #Só porque sim

Quem me conhece, e tem tido o azar ou sorte de se rir e chorar comigo nestes últimos tempos, sabe a loucura que foi fazer esta colecção.

Não tenho por hábito fazer colecções...

Quando era miúda coleccionava pins e como era a típica beta enfia-vos na gola do ensebado bem visíveis para verem que eu andava artilhada com o Tweety sempre atrás de mim mais as minhas argolas gigantes nas orelhas (apesar de ter sempre as orelhas infectadas uma vez que faço alergia a tudo o que é brinco). Juro que procurei um tesourinho deprimente que tenho assim nesses preparos sentada em Santiago de Compostela numa viagem com a mamã!


Mais velha decidi coleccionar postais, com as viagens que ia fazendo. Quando fui com a minha mãe a paris acho que comprei 50...Mas, também passou à história. Compro um por outro em cada viagem que faço, mas não para coleccionar, apenas para recordar. E agora já é mais os imans para o frigorífico que são de uma utilidade incrível para recados importantes a pessoas distraídas.

Basicamente as colecções deixaram de fazer sentido na minha cabeça. Tinha de ter um motivo para as fazer, uma mensagem para passar, e não era com pins enfiados no ensebado ou postais dentro de uma caixa que isso ia acontecia..digo eu, mas hoje há malucos para tudo! e "de loucos todos temos um pouco".

A campanha da Corpos da Danone começou a surgir na TV com a Jessica Athayde. Estando em super promoção de forma permanente no continente era certinho e direitinho que todas as semanas vinham cá parar a casa. Acho a campanha fantástica, motiva qualquer pessoa a comprar os iogurtes e todos trazem mensagens. Umas mais relacionadas comigo, outras não. Mas adorei, às vezes parecia que o iogurte vinha direitinho para me transmitir qualquer coisa. Depois a brincadeira, pegou, até tinha amigas e amigos de amigas que perguntavam se era patrocinada pela Corpos Danone. Acreditem, deu-me mesmo gozo coleccionar estas embalagens!








São óptimos para uma pausa a meio da manhã. 
A J.A. para esta campanha achei de uma perspicácia tremenda. O livro dela "Não queiras ser perfeita" ( que eu li e posteriormente irei comentar), traz uma mensagem e uma aprendizagem : voltar a ser o que queremos e aprender a escolher aquilo que comemos é essencial, da forma mais saudável possível e com equilíbrio!


Cozinha motivada, cozinha Danone!
Arranjem um motivo, uma razão, ela existe sempre, basta pensarmos, para uma vida diferente, para uma vida que queremos!
Um dos Truques e Dicas para sobreviver a uma dieta e mais tarde a adoptar um estilo de vida saudável é a MOTIVAÇÃO!


Beijinhosssss,

You May Also Like

0 comentários