Nutrição #1 - O poder da curgete!

Não sou nenhum guru da nutrição. Nunca fui. Aquilo que hoje sei fui aprendendo por mim, por o que leio e pelas infindáveis consultas de nutrição pelas quais já passei. Como sempre vos digo, este espaço não é só meu, é NOSSO.
A Sónia Pacheco vai passar a ser a minha nutricionista a partir deste mês e não fazia sentido se ela também não estivesse presente aqui. O caminho é longo. Mas é por isso que temos profissionais para nos ajudar e é de extrema importância quer quando queremos perder peso, quando queremos emagrecer e quando queremos manter o peso em que estamos recorrermos a profissionais de saúde, dispostos a "mergulhar de cabeça" connosco nesta luta.
A Sónia vem dar-nos Truques e dicas sobre a dieta, mais conhecimento sobre aquilo que comemos, falar-vos sobre o caminho que irei fazer com ela e sobretudo mostrar a paixão que tem pelo trabalho dela: ser nutricionista.
Espero que gostem.


imagem retirada do google

"Nos dias de hoje, a curgete tem sido cada vez mais falada e utilizada, por estar associada a uma alimentação saudável e por ser uma ajuda, para quem quer perder ou controlar o peso. Por exemplo, quando preparamos sopa a curgete torna-se uma óptima aliada na substituição da batata na altura de reduzir calorias. Sendo pouco calórica, contém apenas 17 kcal / 100g e é sobretudo constituída por água.
A curgete é um fruto da família da abóbora, rico em variados nutrientes.
A curgete é rica em fibra, tendo o benefício de ajudar na digestão, e é também rica em minerais como potássio que lhe confere efeitos diuréticos, magnésio, ferro, ácido fólico cálcio e fósforo. Outro benefício que possuí é a quantidade de carotenos que existem especialmente nas sementes (vitamina A e C), que são poderosos antioxidantes, que têm um papel fundamental na prevenção de doenças cardiovasculares, entre outras. Sendo também rica em vitamina B3 a curgete auxilia na manutenção dos níveis de colesterol
No que diz respeito à escolha deste fruto, devemos ter atenção ao seu tamanho, que não deve ser muito grande. Escolha as curgetes de tamanho médio, pesadas e evite escolher as que têm a casca muito dura, dê preferência às que têm uma cor verde clara, brilhante e firme. As curgetes maiores são muito fibrosas e menos saborosas. Não se preocupe em descascar a curgete, muitos dos seus benefícios concentram-se na casca, pelo que tente sempre cozinhá-la com esta, a não ser que esta esteja muito madura.
Outra qualidade deste fruto, é a sua versatilidade, pois pode ser cozido, salteado, refogado, recheado. Bem lavada, a curgete pode ser comida crua em saladas ou pode ser acrescentada nos batidos ou em sumos. É também, muito utilizada nas sopas e pode ainda fazer parte dos ingredientes de uma entrada ou até de uma sobremesa, como por exemplo, um bolo. É um óptimo acompanhamento tanto para peixe, como para carne, e é muito utilizada em pratos de massa.
Falando em massa, este fruto serve ainda, como um substituto à massa, por exemplo para quem é intolerante ao glúten. Usando um espiralizador, conseguimos “transformar” este fruto em tiras, como o esparguete.


Um beijinho,
A nutricionista , Sónia"

Gostaram do poder da curgete na nossa alimentação e na nossa vida?
O que gostariam que a Sónia falasse?
Digam!

You May Also Like

0 comentários